Homem que agrediu a ex-companheira e a deixou paraplégica vai a júri popular na próxima semana

Sidneia Aparecida Mariano da Costa era uma mulher ativa, independente, cuidava de quatro filhos e queria viver livre da violência sofrida pelo companheiro Émerson Henrique de Souza.


Infelizmente a história não acabou assim, Emerson vai a júri popular na próxima quinta-feira, acusado de agredir, asfixiar e abandonar a ex-companheira em uma estrada rural, em abril de 2019. A Sidneia é mãe de 4 filhos, ficou paraplégica e não recuperou a fala.

O Tribuna exibe uma matéria que conta a versão da família de Sidneia, que conta com áudios exclusivos em que a vítima tinha mandado ao rapaz e também a versão de Emerson que já está preso.

Confira a reportagem completa:

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa