Inflação alta pode permanecer até dezembro de 2024

O constante aumento da inflação pode permanecer até dezembro de 2024, segundo previsão do Banco Mundial. A alta dos preços, que já afeta mais de 92% dos países, é agravada pelo conflito militar entre Rússia e Ucrânia, que está encarecendo cada vez mais o valor cobrado por produtos alimentícios, fertilizantes e petróleo.

Segundo a entidade, o cenário representa um risco de retrocesso da desigualdade econômica e em futuros problemas de saúde devido ao aumento da desnutrição. Isso porque os preços recordes cobrados pelos alimentos já estão levando uma parcela significativa da população mundial à pobreza e pobreza extrema.

A alta da inflação tem impacto, sobretudo, em países de baixa e média renda, que tendem a gastar mais com suplementos alimentares. Hoje, cerca de 25% dos alimentos consumidos mundialmente vêm do trigo, que está 20% mais caro em relação ao ano passado. Na maioria dos países, a inflação já está na casa dos dois dígitos.

Informações SBT News