Japão emite alerta de nível 1 para surto de varíola dos macacos

Autoridades japonesas emitiram, nesta segunda-feira (25), o alerta de nível 1 contra a varíola dos macacos. A ação acontece poucos dias após a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificar o surto da doença como emergência de saúde internacional, uma vez que mais 14 mil casos já foram relatados por 75 países.

Com o alerta de nível 1, o mais baixo da escala de um a quatro, os governantes pedem que os cidadãos japoneses em todo o mundo tomem medidas de precaução para não contrair a doença. O alerta é reforçado para aqueles que pretendem viajar para o exterior, sobretudo para a região europeia, atual epicentro da varíola dos macacos.

Análises preliminares apontam que os sintomas da doença englobam dores no corpo, febre, cansaço e erupções cutâneas. O período de incubação, quando a pessoa infectada é assintomática, é tipicamente de seis a 16 dias, mas pode chegar a 21 dias. 

No Brasil, o Ministério da Saúde já confirmou 696 casos da doença. A maioria dos registros é em São Paulo, com 506 infectados, e no Rio de Janeiro, com 102 ocorrências. Entre as regiões, o vírus só não chegou ao norte do país.

Informações SBT News