Japão planeja prorrogar estado de emergência em Tóquio até 21 de março

TÓQUIO (Reuters) – O governo japonês planeja prorrogar um estado de emergência para a cidade de Tóquio e mais três prefeituras vizinhas para combater a Covid-19, até 21 de março, duas semanas a mais do que havia sido estipulado originalmente, afirmou o ministro da Economia, Yasutoshi Nishimura, na sexta-feira (horário local).

Nishimura, que está encarregado da resposta do governo ao coronavírus, fez o comentário no início de uma reunião de manhã em um encontro com conselheiros para buscar uma aprovação para a medida.

As prefeituras de Tóquio, Chiba, Kanagawa e Saitama, que representam cerca de 30% da população do país, solicitaram uma prorrogação para além da data marcada originalmente, 7 de março, já que os novos casos de coronavírus não caíram o suficiente para atingir a meta estipulada. 

Ainda assim, o número de novos casos está em uma fração do pico no início de janeiro, quando o estado de emergência entrou em vigor. Tóquio reportou 279 casos na quinta-feira, em comparação com o recorde de 2.520 do dia 7 de janeiro. 

No país todo, o Japão registrou cerca de 433 mil casos e 8.050 mortes pela Covid-19 até quarta-feira. 

(Reportagem de Chang-Ran Kim)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH231LX-VIEWIMAGE