Marco Aurélio, do STF, retira carcinoma da cabeça e participa de sessão enfaixado

BRASÍLIA (Reuters) – O decano do Supremo Tribunal Federal, ministro Marco Aurélio Mello, foi submetido na manhã desta terça-feira a um procedimento de retirada de um carcinoma na cabeça, informou a assessoria do órgão, após ele participar nesta tarde de uma sessão virtual da Primeira Turma da corte com um curativo –uma faixa que ia do couro cabeludo ao queixo.

“Como este tipo de lesão não provoca metástase, com a retirada não será necessário nenhum tipo de tratamento posterior”, informou a comunicação do Supremo.

“O ministro foi liberado para prosseguimento normal de suas atividades e informou estar muito bem de saúde”, acrescentou.

Marco Aurélio anunciou recentemente que vai antecipar em uma semana a sua aposentadoria do STF para o dia 5 de julho, abrindo assim a segunda vaga na corte para indicação do presidente Jair Bolsonaro. Antes dele, Bolsonaro escolheu o então desembargador Nunes Marques para o lugar de Celso de Mello.

O Supremo tem 11 ministros.

(Reportagem de Ricardo Brito)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH351EZ-VIEWIMAGE