Mulher é assediada no ônibus enquanto ia para o trabalho

A auxiliar de limpeza Samara Guimarães, de 35 anos, foi assediada dentro de um ônibus em Itaquera, na zona leste de São Paulo, enquanto ia para o trabalho. O assediador, Ítalo Roberto Chaves, de 55 anos, foi preso em flagrante.

A vítima entrou na lotação por volta das 4h30 da manhã e foi para a parte de trás do coletivo para se sentar, pois estava muito cheio. O agressor se aproximou e começou a se esfregar na mulher, que pediu para que ele se afastasse. Ele cessou, mas pouco depois tornou a assediá-la.

Ela gritou durante o ato, mas nenhum dos passageiros deu o devido auxílio a vítima. Ao chegar na estação de metrô Itaquera, a mulher explicou a situação aos guardas da estação, que conseguiram conter o homem. Ele foi preso por importunação sexual.

“É horrível, sensação horrível. Eu só quero justiça, quero ver ele atrás das grades”, afirma Samara.

Informações SBT News