Musk demite diretores e assume como principal executivo do Twitter

O novo dono do Twitter, Elon Musk, anunciou no final de segunda-feira (1) que vai atuar como presidente-executivo da rede social, que adquiriu por US$ 44 bilhões. 

Assim, o sul-africano vai administrar quatro empresas diferentes — a empresa de foguetes SpaceX, a startup de chips Neuralink e a companhia de túneis Boring Company.

Além disso, segundo a agência de notícia Reuters, Musk tornou-se o único diretor do Twitter. Com isso, os executivos Bret Taylor, Parag Agrawal, Omid Kordestani, David Rosenblatt, Martha Lane Fox, Patrick Pichette, Egon Durban, Fei-Fei Li e Mimi Alemayehou foram destituídos dos seus cargos de direção da empresa.

“Parece haver 10 pessoas ‘gerenciando’ cada pessoa que está codificando”, disse Musk em sua conta no Twitter.

Ainda segundo funcionários, ouvidos pela agência de notícias Reuters, equipes designadas por Elon Musk já se reúnem com funcionários do Twitter para investigar o código-fonte da rede social para entender o funcionamento da plataforma. 

Estes empregados ainda falaram que estão recebendo poucas informações sobre a chegada de Musk e os próximos movimentos e estão sabendo das informações pela imprensa.

Informações SBT News