Corpo de pastor que prometeu ressuscitar em três dias é sepultado em Goiás

Na noite da última segunda-feira (26), foi enterrado o corpo do pastor evangélico Huber Carlos Rodrigues, na cidade de Goiatuba, em Goiás. Em 2008 o religioso afirmou que ressuscitaria após três dias da sua morte.

A funerária responsável pelo velório e enterro esperou o prazo dado pelo religioso. Às 23h30 do terceiro dia, momento informado pelo pastor que aconteceria o milagre, mas segundo a funerária, ele permaneceu morto. Foi então que a empresa liberou o corpo para o sepultamento.

No mesmo momento, uma multidão esperava ansiosamente, pelo lado de fora da empresa pela ressureição do pastor. Um grupo chegou a gritar no cemitério antes que o corpo fosse levado ao túmulo, exigindo que o caixão fosse aberto. O coveiro responsável negou o pedido e o enterro aconteceu normalmente, com protestos.

Entenda o caso:

Em 2008, o pastor chegou a prometer através de uma carta que dizia que ele havia sido “revelado pelo Espirito Santo” que ele ressuscitaria. O milagre aconteceria às 23h30 do terceiro dia após o óbito do pastor.

Em agosto deste ano, o religioso foi internado em decorrência da Covid-19, e morreu na última sexta-feira (22).