Caixa libera pagamentos do Auxílio Brasil; veja quem recebe

A Caixa Econômica Federal libera, a partir desta segunda-feira (18), a nona rodada de pagamentos do Auxílio Brasil. Os primeiros a receber o recurso serão os beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) final 1.

O valor pago pelo Auxílio Brasil continuará tendo mínimo de R$ 400 no mês de julho. A partir do próximo mês, conforme previsão do governo federal, o crédito deverá aumentar R$ 200, atingindo o valor de R$ 600 até o fim do ano.

Assim que cair na conta, o dinheiro poderá ser sacado em terminais de autoatendimento, lotéricas e agências bancárias da Caixa. Para aqueles que preferirem, o recurso também poderá ser movimentado virtualmente, por meio do aplicativo Caixa Tem.

O Auxílio Brasil é destinado às famílias com renda per capita de até R$ 100,00, consideradas em situação de extrema pobreza, e aquelas com renda per capita de até R$ 200,00, consideradas em condição de pobreza. Todos os beneficiários são selecionados pelo Ministério da Cidadania através do CadÚnico e as famílias também devem cumprir os seguintes critérios:

  • Realização do pré-natal;
  • Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • Acompanhamento do estado nutricional;
  • Frequência escolar mínima definida em regulamento;
  • Matrícula em estabelecimento de ensino regular para jovens entre 18 a 21 anos.

Confira o calendário completo de pagamento:

NIS              Pagamento      
NIS 118 de julho
NIS 219 de julho
NIS 320 de julho
NIS 421 de julho
NIS 522 de julho
NIS 625 de julho
NIS 726 de julho
NIS 8 27 de julho
NIS 928 de julho
NIS 029 de julho

Novo cartão

Os beneficiários do programa terão acesso, gradativamente, a um novo cartão de transferência de renda. A versão modernizada tem chip na função débito, que permite aos usuários realizar compras, acompanhar e movimentar a conta, controlar despesas, além de permitir pagamentos e saques totais ou parciais do benefício. 

Primeiramente, irão receber os cartões os beneficiários do programa na modalidade poupança social digital. Segundo o governo federal, a tecnologia do chip de contato tem como objetivo reduzir os riscos de clonagem.

Informações de SBT News