Cerca de 3 milhões de tentativas de fraude já foram registradas em 2022

O número de tentativas de fraude continua alto no Brasil. Segundo levantamento da ClearSale, empresa especialista em prevenção e gerenciamento de risco, quase 3 milhões de ocorrências já foram registradas apenas entre janeiro e junho deste ano, cifra 9% maior quando comparado com o mesmo período do ano anterior.

Entre as categorias mais visadas pelos criminosos estão eletrônicos (9,01%), celular (7,94%) e games (5,65%). Em relação ao gênero, o público masculino é o que mais sofre com tentativas de fraudes (2,88%), seguido por outros (2,25%) e pelo grupo feminino (1,55%). Já em termos de faixa etária, as principais vítimas de fraudes foram as de 25 anos.

No âmbito territorial, a região Norte representou o maior índice de tentativas de golpes, com 3,34% do total, e o Sul apresentou a menor quantidade, com 1,09%. No geral, o mercado financeiro apresentou 527 mil ocorrências de fraudes, em processos como transações e pix, enquanto 212 mil tentativas foram identificadas no setor de telecomunicações.

De acordo com a ClearSale, o cenário é influenciado pela migração dos consumidores no varejo digital, que, apesar de facilitar as compras, proporciona maior facilidade para fraudes e golpes. Isso acontece, sobretudo, devido à falta de experiência com o consumo online e da má verificação de informações nos canais virtuais.

Informações de SBT News