Contagem regressiva para regularizar a situação eleitoral: faltam dois dias

Quem deseja votar nas eleições deste ano, marcadas para 2 de outubro, deve regularizar a situação até o dia 4 de maio, próxima quarta-feira. O prazo é encerrado 150 dias antes do pleito e está previsto na Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97). A data vale para quem deseja solicitar a emissão da primeira via do título de eleitor, transferência de local de votação, alteração de dados pessoais ou revisão para a regularização de inscrição cancelada. Quem tem a idade mínima obrigatória e não tirou o documento, bem como os eleitores e as eleitoras que tiveram o título cancelado estão sujeitos a diversas restrições e impedimentos legais, como, tirar passaporte ou carteira de identidade e se inscrever em concurso público.

Tudo pode ser feito pela internet, dentro do portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por meio do sistema Título Net. Basicamente, o processo é: entrar na página Autoatendimento do Eleitor e clicar na opção “Tire seu título”; ter em mãos os documentos solicitados; informar os dados de identificação necessários; e preencher os campos indicados.

Outra forma prática de consultar eventuais pendências com a Justiça Eleitoral é o aplicativo e-Título. A ferramenta também é utilizada como título eleitoral digital, e substitui o documento em papel no dia das eleições. Basta fazer o download gratuito em telefones celulares ou tablets de qualquer plataforma (Android e iOS).

Apesar da praticidade, devido ao alto número de acessos, na tarde desta desta segunda-feira (2) os portais e sistemas da Justiça Eleitoral apresentaram instabilidade. Somente até as 17h de hoje, foram realizados quase meio milhão de atendimentos.

Informações de SBT News