Ato em protesto por mortes por Covid em Brasília

(Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)

REUTERS/Ueslei Marcelino