Curitiba segue com taxa de ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 acima de 100%

No último dia antes de começar valer a Bandeira Vermelha, a taxa de ocupação dos 539 leitos de UTI SUS exclusivos para covid-19 em Curitiba está em 103%. O último levantamento do boletim da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), divulgado no fim da tarde desta sexta-feira (28), indicou 40 pacientes em assistência nas Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) com indicação para atendimento em UTI covid adulto na rede hospitalar do SUS.

Já a taxa de ocupação dos 726 leitos de enfermarias SUS covid-19 está em 95%. Há 38 leitos vagos.

Números da covid-19 – A SMS confirmou nesta sexta-feira (28) 1.036 novos casos da doença e 31 óbitos. Destes, 26 óbitos ocorreram nas últimas 48 horas.

As vítimas são 17 homens e 14 mulheres, com idades entre 28 e 86 anos, sendo que 18 pessoas tinham menos de 60 anos. 

Até o momento, foram contabilizados 212.593 casos e 5.354 mortes na cidade provocadas pela Covid-19 neste período de pandemia.

As medidas da bandeira vermelha passam a valer a partir deste sábado (29) e vigoram até 9 de junho. Além das restrições, a Secretaria Municipal da Saúde fez ajustes na rede de atendimento, a fim de reforçar o combate à pandemia. Até segunda-feira (31), todas as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da cidade passarão a fazer internamento de casos de covid-19, e 19 unidades básicas de saúde passarão a atender como unidades de pronto-atendimento.

Com informações da Prefeitura de Curitiba