Em Foz do Iguaçu foram aplicadas 100 multas no fim de semana

Entre sexta-feira (19) e domingo (21) as equipes de fiscalização da Prefeitura de Foz do Iguaçu e demais órgãos de segurança do município realizaram 614 vistorias e aplicaram 100 multas em estabelecimentos comerciais, pessoas físicas e condutores de veículos que descumpriram as medidas restritivas, previstas nos decretos em vigor que possuem o objetivo de conter a disseminação do coronavírus.

O número de vistorias realizado é 77% maior em comparação com o fim de semana passado, quando foram feitas 345 vistorias em residências e estabelecimentos comerciais. 

De acordo com o diretor de fiscalização, Nilton Zamboto, o aumento aconteceu porque mais pessoas denunciaram situações pela Central 199. “Pessoas que não têm como justificar o deslocamento são autuadas, já que o toque de recolher proíbe a circulação tanto de pedestres quanto de motoristas”, disse.

Conforme o boletim da Vigilância Epidemiológica, o índice de isolamento social neste domingo (21) foi de 68%, enquanto no domingo passado (14) a cidade atingiu 74%. No sábado (20), o comércio funcionou até às 17 horas, e por isso, o índice de isolamento social foi de apenas 38%. 

O maior número de infrações foi registrado durante a vigência do toque de recolher, das 18 horas de sábado até às 5 horas desta segunda-feira (22). 

As multas para pessoas físicas e jurídicas que descumprirem as medidas sanitárias variam entre 10 e 100 Unidades Fiscais (UFFI), o que corresponde em valores entre R$ 916,10 e R$ 9.161,00. 

As autuações foram realizadas em uma Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu), com a participação da Secretaria da Fazenda, Secretaria de Segurança Pública, Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária e Juizado de Menores.

Colaboração Prefeitura de Foz do Iguaçu