Curitiba sedia conferência nacional sobre Centrais Geradoras Hidrelétricas

A V Conferência Nacional sobre PCHs e CGHs será realizada nesta quarta (23) e quinta-feira (24), no Teatro Up Experience, na Universidade Positivo. O evento da Associação Brasileira de Pequenas Centrais Hidrelétricas e Centrais Geradoras Hidrelétricas (ABRAPCH) terá a participação da secretária municipal do Meio Ambiente, Marilza do Carmo Oliveira Dias, na solenidade de abertura. 

A secretária lembra que a associação está presente no compromisso da cidade de enfrentamento às mudanças climáticas. “Com ela, o município implantou um dos equipamentos do Curitiba Mais Energia, a CGH Nicolau Klüppel, no vertedouro do Parque Barigui”, destaca.

O Curitiba Mais Energia tem como premissa implantar e incentivar energias limpas e fontes renováveis. Baseada no conceito da Rosca de Arquimedes, criada pelo filósofo grego (260 a.C), a CGH do Barigui aproveita a queda de água de 3,5 metros do vertedouro do lago para gerar energia por uma rosca helicoidal. 

Metade da energia consumida pelo Parque Barigui mensalmente é gerada pela CHG. A produção é injetada na rede da Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel), gerando créditos de energia a serem compensados ao município. 

A realização da CGH no Barigui foi possível, principalmente, pelo caráter de inovação da cidade, lembra a secretária. “E foi um esforço de muitas mãos, um exemplo de colaboração entre o setor privado e o poder público”, diz.

O evento

A conferência reúne os principais atores envolvidos com o setor, como representantes do governo nas esferas federal, estadual e municipal, empreendedores de PCHs e CGHs, técnicos e executivos do setor, cadeia de produtos e serviços para hidrogeração, executivos das instituições bancárias, de fomento e seguros, advogados e consultores e associados da ABRAPCH.

Estão confirmados como palestrantes o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas de Energia, Paulo César Magalhães Domingues; o deputado federal e relator do novo Código Brasileiro de Energia, Lafayette de Andrada; o diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Efrain Pereira da Cruz; o diretor interino da Agência Nacional de Águas, Patrick Thomas; o diretor de Licenciamento e Outorga (IAT PR), José Volnei Bisognin.

Informações da Prefeitura de Curitiba