Curitiba terá caminhada em homenagem ao Agosto Lilás neste domingo

A Assessoria de Direitos Humanos – Política para as Mulheres da Prefeitura terá uma agenda de eventos para marcar os 16 anos da sanção da Lei Maria da Penha (Lei 11.340/06) e o Agosto Lilás, campanha que busca sensibilizar e mobilizar a população no enfrentamento da violência contra a mulher.

O primeiro deles é a Caminhada Agosto Lilás, organizada pelo Clube da Alice e apoiada por diversas entidades públicas e privadas. A caminhada será neste domingo (7), às 7h10, data do aniversário da lei, e tem estimativa de público de cerca de 3 mil mulheres.

O Ônibus Lilás, que proporciona acolhimento e informação para mulheres que sofreram ou sofrem violência, também estará circulando (cronograma abaixo) pela cidade. As ações acontecem em parceria com as Ruas da Cidadania CIC, Pinheirinho e Tatuquara.

Lei Maria da Penha

Considerada como um marco no sistema judiciário brasileiro, a Lei Maria da Penha é a legislação que define criminalmente a violência contra a mulher e estabelece proteção à vítima e seus filhos, além da punição para os agressores.

Sua criação surgiu a partir da luta por justiça de Maria da Penha Maia Fernandes, farmacêutica bioquímica natural do Ceará que sofreu dupla tentativa de feminicídio por parte de seu companheiro, Marco Antonio Heredia Viveros.

Em Curitiba existem diversos serviços voltados para a proteção das mulheres, uma delas é a Casa da Mulher Brasileira, que tem por objetivo prestar atendimento integral e humanizado para as vítimas.

Para Elenice Malzoni, responsável pela Assessoria de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres da Prefeitura, mesmo após tantos anos de vigência, muitas mulheres ainda desconhecem seus direitos e tem dificuldade em reconhecer outros tipos de violência, como a violência psicológica, moral ou patrimonial, como um crime previsto na lei. “Nosso trabalho é fazer com que o maior número de mulheres conheçam seus direitos”, comenta.

Mesmo após 16 anos de sanção da Lei Maria da Penha, as estatísticas mostram que a violência contra a mulher ainda é uma realidade presente no Brasil. Em Curitiba, de janeiro a julho, a Patrulha Maria da Penha registrou 5.403 atendimentos de ocorrências, 339 casos de descumprimento de medida protetiva e 1.536 acompanhamentos e monitoramentos. Além disso, foram 500 atendimentos pela Guarda Municipal pelo telefone 153. Já a Casa da Mulher Brasileira registrou no mesmo período o atendimento de 7.367 mulheres.

Programação do Agosto Lilás

Domingo (7), às 10h
Caminha pelo aniversário da Lei Maria da Penha na Meia Maratona de Curitiba
Local: saída na frente do Shopping Crystal

Domingo (7), das 5h às 12h
Ônibus Lilás
Local: entre a Benjamim Lins e a Avenida Visconde de Guarapuava

13 de agosto, das 14h às 18h
Ônibus Lilás: Caravana Étnico Racial
Endereço: Teatro da Vila (Rua Davi Xavier da Silva, 541 – CIC)

16 de agosto, às 9h
Capacitação Masculinidade Consciente e ônibus Lilás
Palestrante: Fernando Ruthes- Assessor da Diversidade Sexual
Local: Rua da Cidadania do Pinheirinho – auditório I

20 de agosto, das 9h às 11h30
Ônibus Lilás: Lançamento do projeto A Verdadeira Beleza
Local: Rua Vereador Elias Karam, 150, Fazendinha

22 de agosto, das 9h30 às 11h30
Capacitação Cartilha Violências no bairro do Caximba para as mulheres da comunidade
Ônibus Lilás: Atendimento e informação para a comunidade em geral
Local: Rua Delegado Bruno de Almeida, 8.080, Caximba

Informações da Prefeitura de Curitiba