Daniel Silveira não segue decisão de Moraes e rejeita usar tornozeleira

O deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ) se recusou a utilizar uma nova tornozeleira eletrônica. A informação foi enviada ao Supremo Tribunal Federal (STF) pela oficial de Justiça Doralúcia das Neves Santos. 

Ela foi responsável por notificar o deputado sobre a decisão judicial do ministro Alexandre de Moraes, que determinou que o parlamentar se apresentasse em 24h para a instalação de uma nova tornozeleira eletrônica. 

Segundo a oficial de Justiça, Silveira disse que “não vai mais utilizar a tornozeleira, pois está cumprindo o decreto do presidente da República”. A notificação ocorreu às 12h35, no anexo I da Câmara dos Deputados, na área das comissões. 

Na terça (3), Moraes também multou Silveira em R$ 405 mil por descumprimento de decisões e medidas cautelares determinadas pelo STF. A atual tornozeleira do parlamentar está sem bateria, segundo informações compartilhadas com a Corte pela Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal.

Com informações do portal SBT News.