Dona de padaria é baleada na cabeça por cliente; suspeito seria ex-PM

Uma dona de uma padaria foi baleada na cabeça por um cliente, que seria um ex-policial e estaria alcoolizado. A mulher, em estado grave, está internada no Hospital Pedro II, em Santa Cruz. 

A vítima, Soraia dos Santos, tem 39 anos. Ela foi socorrida por moradores e, de acordo com uma testemunha, o assassinato foi cometido quando ela tentava fechar o estabelecimento. O atirador, antes de cometer o crime, estaria bebendo no local. 

Soraia trabalha na padaria com o marido e o suposto ex-PM atirador é conhecido no bairro por sempre estar embriagado. O autor do tiro teria ido ao local por volta das 17h e pediu uma cerveja. A vítima foi à varanda do estabelecimento entregar a bebida quando o companheiro ouviu o disparo e encontrou a mulher caída no chão. 

O companheiro de Soraia afirmou que o atirador é um ex-policial, mas ainda não há a identificação do autor do crime. A polícia segue investigando o caso que ocorreu em Sepetiba, zona oeste do Rio de Janeiro.

Informações de SBT News