Unicentro adia retorno das aulas presenciais para 31 de janeiro

A alta no registro de contágio por covid-19 redesenhou o cenário de retorno às atividades presenciais na Unicentro. Em live realizada nesta segunda-feira (10), o vice-reitor Ademir Fanfa Ribas anunciou que, como medida de proteção e prevenção, o retorno presencial das aulas, até então previsto para o dia 18, foi adiado para 31 de janeiro. Dessa forma, todos os cursos vinculados ao “Calendário I” iniciam as atividades em 18 de janeiro ainda de forma remota.

“Com tudo muito bem pensado, estudado e orientado em conjunto com profissionais da saúde, decidimos por retornar de forma remota e adiar o início das atividades teóricas presenciais, que devem, então, iniciar no dia 31. Nós temos que voltar, mas voltar com segurança”, destacou Ribas. “A única exceção é o curso de Medicina Veterinária, que começou as atividades presenciais na segunda (10) e deve continuar”.

Outro anúncio feito durante a live foi sobre a decisão de solicitar o comprovante de vacinação de toda a comunidade universitária – estudantes, professores e agentes universitários. “Enquanto universidade, pela sua autonomia, nós temos condições de pedir que as pessoas só entrem se estiverem vacinadas. Essa medida é pensada muito mais no coletivo do que no individual. Nós queremos que todos possam se proteger”, disse o professor.

Ele explica que os estudantes deverão anexar o comprovante de vacinação em uma disciplina criada no Moodle. A chefia do Departamento, junto com os professores de cada turma, fará o controle dessa disciplina para ter o comprovante de que o aluno está vacinado, acrescenta o professor.

Outra novidade divulgada é que o campus Cedeteg, em Guarapuava, será um Centro de Vacinas a partir do dia 12 de janeiro. “Serão feitas todas as vacinas adultas, também em horários em que os postos de saúde estão fechados”, comunicou o vice-reitor.

Ele destacou que todas as medidas tomadas pela Unicentro são amparadas por profissionais da área da saúde e reavaliadas diariamente. Ele ressalta que os três câmpus da universidade – Santa Cruz e Cedeteg, em Guarapuava e Irati –, bem como os câmpus avançados, estão comprometidos para garantir um retorno presencial seguro para toda a comunidade.

A reitoria da Unicentro segue acompanhando o cenário de casos de covid-19 na região. Todas as medidas adotadas pela universidade serão divulgadas nos canais oficiais de comunicação.

Vacinação

A universidade decidiu adotar o Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, que pode ser emitido pelo aplicativo ou pela versão web do Conecte SUS.

Para os estudantes, haverá uma disciplina no Moodle na qual será possível anexar o documento. Já os agentes universitários devem encaminhar o comprovante para o e-mail [email protected]

Nos dois casos, o prazo para envio é 30 de janeiro. “Caso não tenha tomado a vacina por uma questão médica, também é possível encaminhar um pedido de exercício domiciliar pelo Protocolo Online, anexando todos os documentos que comprovem o pedido”, orientou o vice-reitor.

Informações da Agência Estadual de Notícias