Hotel é processado após barata entrar em ouvido de hóspede e deixá-lo surdo

Um norte-americano entrou na justiça contra um hotel após ter ficado surdo. Segundo a alegação dele, o seu ouvido foi ‘invadido’ por uma barata em uma das acomodações do Sands Ocean Club, em Myrtle Beach, no estado da Carolina do Sul, nos Estados Unidos. A ‘invasão’ teria acontecido em julho do ano passado, e agora, o processo chegou ao âmbito judicial.

De acordo com o tabloide britânico Daily Star, Todd VanSickle entrou com ação judicial contra a empresa e contra a operadora do espaço, a Ocean Annie´s Operations Inc. Ele alegou que uma barata se arrastou em seu ouvido enquanto ele dormia e teria ficado sem audição por causa disso. 

A publicação norte-americana Newsweek relata em sua reportagem que teve acesso ao processo e lá é dito que Todd sofreu ‘lesões dolorosas e permanentes; incorreu e continuará incorrendo em despesas médicas; sofreu e continuará a sofrer dores e desconfortos”, além de alegar que está tendo prejuízos financeiros com o trauma.

O hotel foi acusado de ser negligente, em que uma das acusações, o local não tinha serviço de inspeção de baratas, controle de pragas, além da falta de limpeza do quarto.

Informações de SBT News