EUA registram primeiros casos de varíola dos macacos em crianças

Os Estados Unidos registraram os primeiros casos de varíola dos macacos em crianças. A informação foi dada pela diretora do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Rochelle Walensky, em entrevista ao jornal Washington Post, na sexta-feira (22). São duas crianças infectadas, sendo que uma delas ainda é uma criança de colo, em casos não relacionados.

De acordo com o CDC, a contaminação ocorreu dentro de casa, mas as autoridades ainda estão apurando como isso ocorreu. Uma das crianças não mora nos Estados Unidos. Ela e os pais estavam em viagem pela capital Washington. Já a criança de colo mora na Califórnia. As crianças, acrescentou a diretora do CDC ao Washington Post, passam bem e estão sendo submetidas ao tratamento antiviral.

No sábado (23), o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, declarou que a varíola dos macacos configura emergência de saúde pública de interesse internacional. Ainda que tenha sido uma decisão unânime dentro do comitê de emergência da OMS, o diretor-geral entendeu que já existem elementos suficientes para enquadrar a varíola dos macacos nessa categoria.

Informações da Agência Brasil