Mulher é executada dentro de um carro em Campo Largo; bandidos deixam recado no colo da vítima

Uma mulher morreu na noite desta quinta-feira (26) no bairro Viva Bem, em Campo Largo, região metropolitana de Curitiba. O crime aconteceu dentro do carro da vítima, e a polícia acredita que o caso possa ter relação com o tráfico de drogas.

A vítima, identificada como Lucelene Alves da Rocha, de 40 anos, era companheira de um presidiário. Os tiros foram disparados apenas para o lado do banco da mulher, que estava acompanhada de um homem. Após a execução, o rapaz saiu do carro e fugiu com os criminosos.

“Descarregaram a pistola, foram mais de dez tiros”, afirma Rodrigo Podegurski, investigador da Polícia Civil do Paraná (PCPR).

Antes da fuga, os suspeitos deixaram um recado no colo da vítima. No bilhete, estava escrito “Kartel”. A polícia investiga se o crime tem relação com o tráfico de drogas ou se a motivação foi passional. 

A ordem do assassinato, segundo a polícia, teria partido de dentro do presídio em que o companheiro da mulher está preso.