Novo grupo de refugiados da Ucrânia chega ao Brasil

Um novo grupo de refugiados vindos da Ucrânia chegou ao Brasil, na manhã desta sexta-feira (18), para fugir da ofensiva russa no país. Ao todo, 29 civis, incluindo 17 crianças, foram resgatados por uma rede internacional de missionários critãos e igrejas brasileiras que se dispuseram a mantê-los em território nacional por ao menos um ano.

Segundo as entidades, o grupo desembarcou por volta das 6h30 no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Entre os cidadãos estão dois homens que, por terem três filhos ou mais, estão autorizados a deixar o território ucraniano em meio ao conflito militar. 

De São Paulo, os refugiados serão levados em um ônibus para Curitiba, onde ficarão alguns dias e, posteriormente, irão para Prudentópolis e Guarapuava, cidades paranaenses que concentram uma grande comunidade de imigrantes ucranianos. Todos receberão aulas de português e terão moradia e demais gastos bancados pelas igrejas.

No início do mês, o governo brasileiro publicou uma portaria interministerial concedendo o visto de acolhida humanitária aos ucranianos e pessoas sem nacionalidade reconhecida afetadas pela guerra no país. A modalidade também é reconhecida para cidadãos sírios, haitianos e afegãos, que sofrem diariamente com conflitos e crises humanitárias.

De acordo com dados da Organização das Nações Unidas (ONU), mais de 3,1 milhões de civis já cruzaram a fronteira da Ucrânia para fugir da ofensiva russa. A grande maioria procura abrigo em países fronteiriços como Polônia e Hungria, enquanto outros deslocam-se para Eslováquia, Moldávia, Romênia e, até mesmo, algumas regiões da Rússia.

Informações de SBT News