Operação policial cumpre mandado de prisão contra mulher que encomendou morte de haitiano

A Polícia Civil do Paraná esteve nas ruas desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (6) para cumprir mandados de prisão referentes ao caso do haitiano que foi executado ao sair de uma boate em fevereiro deste ano, em Curitiba. 

No dia do crime o rapaz teria abordado uma mulher na boate, a convidado para dançar mas ela não gostou da investida do rapaz e contou ao irmão adolescente o que tinha ocorrido, pedindo para que o irmão se livrasse do rapaz. 

O adolescente então alugou uma arma de fogo e, na saída da festa, assassinou o haitiano. 

As investigações duraram cerca de dois meses e, na manhã desta sexta-feira, a polícia chegou até Fabíola, mandante do crime, e seu irmão, o adolescente que atirou contra a vítima. 

Fabíola foi presa e seu irmão foi encaminhado para a delegacia. 

Na casa da família foram encontradas porções de drogas que foram apreendidas pela polícia. 

Informações PCPR e Juliana Rodrigues