Operações policiais apreendem grandes quantidades de drogas em Guaíra e Paranaguá

A Polícia Militar do Paraná apreendeu grandes quantidades de drogas de Leste a Oeste nesta semana. Em um dos casos, policiais militares do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) apreenderam mais de 500 quilos de maconha em Guaíra, no Oeste do Estado. A droga estava abandonada em uma mata, próximo ao Rio Paraná. A ação faz parte das operações integradas de segurança Hórus e Ágata Sul, que fiscalizam regiões de fronteira e divisa com outros estados.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, a droga foi encaminhada à Delegacia de Polícia Federal em Guaíra para que fossem tomadas as medidas cabíveis. Além do BPFron da Polícia Militar, participaram da ação integrantes da Polícia Federal, da Marinha e do Exército Brasileiro.

A Operação Ágata é coordenada pelo Ministério da Defesa e, além da Secretaria de Segurança Pública do Paraná e da Polícia Militar do Estado, envolve o trabalho da Força Aérea Brasileira, Polícia Federal, Receita Federal do Brasil, Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Polícia Rodoviária Federal, Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI-PR), Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Secretaria de Operações Integradas (SEOPI) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Em Foz do Iguaçu, também no Oeste, policiais militares do Pelotão de Choque do 14º BPM, apreenderam no interior de uma residência 46,9 quilos de maconha e R$ 13.700,00. O material apreendido e um homem abordado na ação foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil.

Em menos de dois dias, outras ações da Polícia Militar resultaram na apreensão de grandes quantidades de entorpecentes em Paranaguá, no Litoral. Ao total, mais de 256 kg de cocaína e 21 kg de crack, além de uma arma de fogo e munições, foram confiscados.

A primeira ação aconteceu na terça-feira (31), no bairro Jardim Jacarandá. Uma fiscalização em uma casa encontrou cocaína, que estava distribuída em 31 tabletes, crack, balanças de precisão, cadernos com anotações do tráfico, facões, vários materiais utilizados para preparar e embalar as drogas e uma espingarda cal. 12. 

Na quarta-feira (01), uma equipe da ROTAM (Rondas Ostensivas Tático Móvel) encontrou bolsas pretas escondidas embaixo de uma mesa em uma casa. Parte das mochilas estava coberta por um lençol. Os policiais localizaram 225 kg de cocaína, separados em tabletes que estavam acondicionados para o tráfico internacional de drogas. Ninguém foi preso na ação. Todo o material foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Paranaguá.

A ação de terça, em Paranaguá, foi resultado do repasse de informações ao Disque Denúncia 181, que garante o sigilo do denunciante. “Ressaltamos que a identidade do denunciante será sempre muito bem preservada. O relevante para nós é o que ocorre próximo à casa desta pessoa, à escola do filho ou qualquer outra informação que ela tenha para denunciar”, destacou o chefe do Centro Integrado de Denúncias 181, major Edivan Sharles Fragoso.

As denúncias podem ser feitas pelo telefone 181, de qualquer localidade do Paraná, das 8h às 23h, ou a qualquer momento pelo site www.181.pr.gov.br. “No ambiente virtual, após escolher o tipo de denúncia a ser feita, é possível encaminhar materiais como fotos, vídeos e áudios, de forma a colaborar ainda mais para que o crime seja desvendado e analisado pelos órgãos policiais”, explicou o major.

Informações da AEN