Adolescente morre em atentado a tiros; transsexual e criança ficam feridas

Um adolescente de 15 anos morreu em um atentado a tiros registrado durante a noite desta terça-feira (28) na Vila Guadiana, em Mandaguaçu, na região Norte do Paraná. Uma transexual de 21 anos e uma criança de 5 anos que estavam com o jovem dentro de um carro também se feriram com os tiros.

De acordo com a Polícia Militar, dois homens que estavam em uma moto atiraram várias vezes contra as vítimas que estavam em Golf. A vítima identificada como Nycolas Monteiro, que conduzia o carro, foi atingida no tórax e não resistiu.

A transexual de 21 anos que ocupava o banco da frente foi atingida e saiu correndo ferida. Uma criança de 5 anos que estava no banco de trás com a mãe foi baleada de raspão e não se feriu gravemente. A mãe não foi atingida.

Os feridos foram encaminhados ao Hospital Universitário de Maringá. Equipes da Polícia Civil vão investigar o caso. Embora seja adolescente, segundo a polícia, o rapaz que morreu era investigado por vários crimes.

Informações do Noti-Cia.com e Plantão Maringá.