Adolescente sai para ir ao mercado e denuncia que foi estuprada

O fato teria ocorrido em um imóvel localizado no bairro Brasília

A Polícia Militar concedeu entrevista na manhã desta terça-feira (23) para falar sobre uma ocorrência onde uma adolescente de 13 anos relatou ter sido vítima de ato libidinoso sem consentimento.

De acordo com o tenente Prá e Silva, a mãe deixou a filha na casa da tia para ir trabalhar. Durante a tarde, a jovem teria ido ao mercado, quando encontrou uma amiga e outra colega. As três foram então até uma praça, onde encontraram dois rapazes.

Em conversa, as garotas e os rapazes foram até a casa de um deles, no bairro Brasília, local onde a adolescente de 13 anos disse que foi forçada a ter relações sexuais.

Ainda conforme o oficial da PM, o suspeito deste crime, um rapaz de 24 anos já foi identificado e possui passagens pelo setor policial. Ele está foragido, mas deverá responder pelo crime de estupro de vulnerável. A vítima foi encaminhada para a UPA Tancredo para receber o devido atendimento médico ainda na noite de ontem, e deverá realizar exames no IML. Denúncias do suspeito devem ser repassadas pelo telefone 190.

Veja mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa Foz do Iguaçu e região desta terça-feira (23):