Caso Henry: “Me perdoa por tudo”, diz Monique Medeiros em novas cartas

Monique Medeiros escreveu ao ex-marido Leniel e ao delegado

SBT News teve acesso a duas cartas enviadas por Monique Medeiros, mãe de Henry Borel, morto em março no Rio de Janeiro, vítima de agressões.

“Me perdoa por tudo”, diz ela na carta ao ex-marido. “Eu não sabia o que estava acontecendo! “…”Você, mais do que ninguém sabe a mãe que sempre fui para o nosso Henry!”. Monique também diz que se pudesse voltaria atrás e faria tudo diferente.

Ao delegado Henrique Damasceno, Monique pede para ser ouvida novamente e volta a dizer que foi manipulada e precisa dizer a verdade. “Preciso dar a versão verdadeira do que aconteceu”, escreveu.

Ela também diz que sofre muito na prisão e, principalmente pela perda do filho Henry. “Quando fui presa, fui humilhada, xingada, desmoralizada, fui apedrejada, fui ameaçada, mas fui libertada! Não existe dor maior ou pena maior do que perder um filho, não existe um deserto pior, não há um dia, que meu coração não sangra pela morte do meu filho amado”.

Monique implora pela chance de se explicar com verdade sem fugir das suas responsabilidades. “Quero ser julgada pelo que é certo, contribuindo e fazendo todo o possível para ajudar em tudo o que eu puder!”, afirma na carta ao delegado. 

Confira a matéria do SBT News na íntegra.