Corpo é localizado amarrado em cima de carrinho de mão em Pinhais

A vítima que não foi identificada e foi morta com um tiro na cabeça

Segundo a Guarda Municipal, o assassino andou umas quatro quadras com o cadáver no carrinho até ser “desovado” no cruzamento da rua Pixinguinha com a avenida Airton Sena da Silva, no bairro Maria Antonieta.

O carrinho de mão foi deixado com o corpo em cima, amarrado numa lona, no trilho do trem.  Moradores avisaram a guarda sobre o achado de cadáver. A polícia tenta identificar a autoria e saber a motivação do crime.

Mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa Curitiba desta sexta-feira (15):