Denúncias levam polícia a prender duas pessoas com documentos falsos na RMC

A Polícia Civil prendeu em flagrante dois homens por falsidade ideológica ao tentarem utilizar documentos falsos na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Eles serão indiciados por falsidade ideológica depois de tentarem aplicar golpes em dois locais duas situações diferentes.

A primeira prisão foi de um homem de 34 anos por utilizar o documento falso para comprar um veículo em uma loja de Pinhais, na RMC. O proprietário do estabelecimento desconfiou que o documento apresentado era falsificado e então comunicou a polícia.

Horas depois, quando voltou na loja para retirar o veículo, o homem foi preso em flagrante. O indivíduo possui passagem por passar moeda falsa e estelionato.

A segunda prisão foi de um homem de 56 anos, em Araucária, também na RMC. Ele estava tentando abrir uma conta corrente em um banco com o objetivo de receber o benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Ao ser abordado, o homem confessou a fraude.