Dupla assalta farmácia, mas polícia consegue identificar e prender os suspeitos

A mãe de um deles ainda ajudou a força policial

Tentaram correr da polícia militar, mas acabaram algemados na delegacia. Os dois presos, um de 18 e outro 19 anos de idade, são vizinhos e parceiros de crime. Em plena a luz do dia, invadiram uma farmácia com uma faca e renderam os funcionários, além de levarem dinheiro do caixa e joias da vítima.

A farmácia roubada pela dupla fica na vila a. Assim que a polícia militar soube do crime os dois já haviam fugido do local. Uma equipe da PM entrou na Favela da Brás e percebeu os dois suspeitos correndo, começou uma perseguição que acabou na prisão dos dois.

Os policiais conseguiram recuperar 140 reais em dinheiro e as joias da vítima. Um dos presos se desesperou quando a ficha caiu.  A dupla perdeu o chão ainda mais quando as mães chegaram na delegacia. Foi uma delas que segurou o filho para que ele se entregasse a polícia.

A dupla já tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e agora vai ficar à disposição da justiça com a acusação de roubo. Apesar das lágrimas de arrependimento, o maior sofrimento mesmo é de quem fica aqui do lado de fora. Mesmo livre, uma mãe que lamenta, mas ainda sim acredita na mudança do filho.

Só que parece que os dois filhos decidiram pela vida do crime. No dia 11 de janeiro deste ano, Rafael Barbosa Gonzaga, o irmão mais velho e outro amigo, foram pegos pela guarda municipal acusados de cometer um assalto. Os três foram levados para a delegacia.

Os irmãos e o outro comparsa estavam em um carro saindo de um pesque pague no bairro Três Lagoas, quando foram abordados pelos guardas municipais. Com eles foi apreendida uma arma de brinquedo. O comparsa da dupla já havia sido preso em janeiro de 2020, acusado de agredir a ex-companheira, na época, foi encontrada no meio de um matagal no bairro três lagoas com vários ferimentos pelo corpo.

O irmão de Rafael ficou preso e ele ganhou a liberdade, só que não soube aproveitar. Durante esta prisão ele chegou a pedir para os policiais para ficar na mesma cela que seu irmão que está na cadeia Laudemir Neves.

Veja mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa Foa do Iguaçu desta quinta-feira (04):