Homem é denunciado por fazer ligações de cunho pornográfico para mulheres

Vítima conta que ele ligou mais de setenta vezes no dia, mesmo ela recusando as ligações

Adilson de Souza, de 47 anos, trabalha como pintor. Nas horas vagas gosta de “brincaderinhas sexuais”. O jogo dele é falar com mulheres desconhecidas pelo celular. Uma das conversas foi gravada por uma vítima no início da semana passada. A ligação foi para uma estudante de 24 anos.

“Ele começou fazendo perguntas normais. Depois percebi que era alguém que eu não conhecia… Quando ele perguntou o tamanho dos meus seios, desliguei. Ele ligou de volta e estava com a voz ofegante… ele estava se masturbando”, conta a estudante.

Nesse único dia ela recebeu 70 ligações do maníaco. Mesmo não atendendo, Adilson continuou insistindo. A jovem, então, resolveu procurar uma delegacia pra registrar queixa. Na hora em que registrava o B.O., o maníaco ligou novamente.

A vítima contou toda história nas redes sociais. E conseguiu identificar o “taradão”. Além da estudante, outras duas mulheres teriam sido vítimas do maníaco.  

Veja mais informações sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa desta segunda-feira (18):