Mulher sobrevive após ser baleada na cabeça e entrega nome do atirador à polícia

A Polícia Civil de Paranaguá, no Litoral do Paraná, está investigando uma tentativa de homicídio contra uma mulher, de 34 anos, registrada na madrugada deste domingo (16), na Ilha dos Valadares. Segundo a Polícia Militar (PM), Silviane Mendes Dias foi baleada na cabeça e na barriga, mas chegou a ser levada com vida ao hospital e revelou quem teria efetuado os disparos.

O crime aconteceu por volta das 3h35, quando as equipes da Polícia Militar e também da Guarda Civil Municipal foram mobilizadas na Rua Natanael Corá, no bairro 7 de Setembro. A vítima estava recebendo os primeiros socorros de vizinhos até a chegada dos socorristas do Samu, que encaminharam a mulher até o Hospital Regional do Litoral. Ela estava consciente e vai permanecer internada.

De acordo com a polícia, o suspeito foi apontado como um rapaz conhecido como ‘Escuro’, que posteriormente teve a identidade divulgada como Fagner. Buscas foram realizadas pela região, mas até o fechamento desta reportagem ninguém havia sido localizado.

Questionada sobre a motivação, a mulher não soube repassar detalhes à polícia que acredita se tratar de um acerto de contas, já que a Silviane havia sido presa por homicídio.