‘Novo Lázaro’ se entrega à polícia após sete dias foragido

O caseiro Wanderson Mota Protácio, de 21 anos, se entregou à polícia em Gameleira de Goiás neste sábado (4) e foi levado para a cidade de Anápolis, em Goiás. O criminoso estava foragido desde domingo (28), após matar a esposa – grávida de quatro meses-, a enteada de dois anos e oito meses, e também um fazendeiro de Goiás.

O crime ocorreu em uma fazenda a 20 km de Corumbá de Goiás (GO). Depois de cometer o duplo homicídio, o homem roubou a arma do patrão e assassinou um outro fazendeiro, Roberto Clemente, de 73 anos.

Wanderson também tentou abusar sexualmente da esposa da vítima. A mulher foi atingida por um tiro no ombro, caiu e se fingiu de morta para escapar do assassinato. O caseiro fugiu com a caminhonete dele, levando também o revólver e alguns bens, como celulares.

As buscas se concentraram em três cidades: Corumbá de Goiás, onde os crimes aconteceram, Alexânia e Abadiânia, para onde ele teria fugido.

O cenário lembrou o caso da fuga de Lázaro Barbosa, que aproveitou a mata da região para se esconder da polícia ao longo de sete semanas. A caçada policial terminou com a morte do criminoso, após uma troca de tiros, no fim do mês de julho de 2021.

Informações do SBT News.