‘Olimpíadas de cães’ promovida clandestinamente termina com a chegada de fiscalização

O local tinha cerca de 20 pessoas e 10 animais, mas nenhum cão estava em situação de maus-tratos, segundo a polícia.

Uma competição de cães conhecida como ‘Game Dog’ feita de forma clandestina foi encerrada por policiais da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) na manhã deste domingo (21), no bairro Atuba, em Curitiba. O local tinha cerca de 20 pessoas e 10 animais, mas nenhum cão estava em situação de maus-tratos, segundo a polícia.

O responsável pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), Matheus Laiola explicou que o foco principal da ocorrência foi a aglomeração. “Há alguns dias, recebemos informações de que aqui na capital aconteceria uma competição entre cachorros. Em razão disso, investigamos o evento e fomos até o local, onde encontramos aglomeração. Nós não encontramos situações de maus-tratos, apenas nos deparamos com pessoas que vieram de outros lugares para ver o que eles consideram como esporte”, relatou.

Todas as pessoas que estavam no local foram autuadas por infração de medida sanitária preventiva e levadas à delegacia. Uma lei municipal prevê multa de até R$ 150 mil para quem desrespeita essas medidas. A pena pelo crime pode chegar a um ano de prisão. “Estamos em um momento de colapso na saúde. Não é o momento de aglomerar”, concluiu Laiola.

Decreto estadual

Um novo decreto assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior nesta sexta-feira (19) impõe medidas mais restritivas de circulação para 11 municípios da Região Metropolitana de Curitiba vizinhos à Capital e que estão no chamado “primeiro anel”. A medida se soma à renovação da Bandeira Vermelha na Capital, que continuará seguindo legislação própria e não se enquadra na normativa estadual. O Decreto 7.145/2021 começa a valer ainda nesta sexta, no final do dia, e vai até o próximo dia 28 de março.