Polícia apreende “mini celulares” que seriam arremessados na Penitenciária Estadual de Londrina

Agentes do DEPEN suspeitaram de dois rapazes em um carro que estavam em torno da penitenciária Estadual de Londrina e quando viram os agentes acabaram fugindo. Eles foram abordados e com eles, aparelhos celulares e porções de maconha que seriam arremessados para dentro da cadeia.

Parece brinquedo de criança, daqueles que vem em cima do doce, mas não, são celulares de verdade que seriam jogados para presos da penitenciária de Londrina com carregadores e porções de maconha. O que mais chama atenção dos agentes penitenciários são os aparelhos celulares, que por serem pequenos passam pela nova tela de proteção das cadeias.

A polícia militar nem teve que se deslocar muito para prender os dois, que foram abordados na frente do batalhão que fica ao lado da penitenciária, dali foram direto para central de flagrantes.