Polícia Civil lança oficina móvel para manutenção de armas e treinamento

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) agora conta com uma oficina móvel para manutenção de armas e treinamento. Uma van foi equipada com ferramentas que permitem que os policiais civis aprendam e façam o reparo do armamento. O objetivo é atender os profissionais de todo o Estado, principalmente dos municípios do Interior.

Mais que melhorar as condições de trabalho dos policiais civis, o projeto terá reflexos diretos na qualidade do serviço prestado à população. Profissionais bem treinados e atualizados, além de armas em condições perfeitas de uso, o que evita que estas disparem acidentalmente ou, ainda, não funcionem em situações de necessidade.

Divulgação/PCPR/SESP

O investigador da PCPR e instrutor de tiro Edson Junior afirma que o avanço é uma facilidade aos policiais civis e, consequentemente, à sociedade. “O treinamento torna o acesso mais fácil, já que os policiais não precisam mais se deslocar das delegacias para receber as instruções em Curitiba”, afirma. Assim, ficam disponíveis nos municípios em que atuam.

O automóvel é preparado para que os profissionais se atualizem sobre a manutenção de armas quebradas e montagem e desmontagem do armamento. A van conta com oficina, compressores, geradores, saca-pinos e outras ferramentas que auxiliam nos procedimentos.

A oficina móvel será empregada nos cursos descentralizados de atualização em Operações Policiais, Tiro e Manutenção de Armamento. Durante esses cursos, os policiais civis se atualizam em ações com tiros reais e tiros no simulador móvel da PCPR. Agora, terão oficina de armas à disposição, permitindo que sejam instruídos e acompanhem o reparo de forma simultânea.

Divulgação/PCPR/SESP

Os cursos de atualização devem percorrer todas as regiões do Estado, privilegiando o Interior. No ano passado já foram realizados cursos em algumas subdivisões, porém, com as novas regras de prevenção à Covid-19, as demais edições foram suspensas. Espera-se que em breve o cronograma seja retomado.

Início

O embrião do projeto surgiu em março de 2020, ainda sem a oficina móvel, quando os instrutores ampliaram a manutenção, antes restrita à Escola Superior da PCPR, para as unidades da Capital e Região Metropolitana. Instrutores de armamento e tiro da Escola Superior da PCPR foram até as unidades para orientar policiais civis e prestar o serviço.

Informações da Polícia Civil do Paraná.