Polícia civil queima mais de uma tonelada de droga apreendida

A polícia civil realizou a incineração de mais de uma tonelada de drogas apreendidas na região de Londrina. Foram 1.370 quilos de drogas. A maior quantidade foi de maconha, seguido por cocaína e crack, tudo frutos de apreensões realizadas pela polícia nos últimos 50 dias na região de Londrina. 

Viaturas da polícia civil saíram da 10° subdivisão policial na manhã desta quinta-feira para realizar a incineração de mais de uma tonelada de entorpecentes. 

“Uma vez que as drogas são apreendidas, a gente representa ao poder judiciário para que nos dê autorização para incineração, porque por uma questão de segurança nós não mantemos essa droga por muito tempo nas unidades.” Afirmou o Delegado Amarantino Gonçalves.

A equipe de vigilância em saúde também acompanhou a ação. 

“Toda a incineração nós fazemos esse serviço de avaliar os lotes que foram liberados para a incineração, a quantidade e principalmente a destinação correta desses lotes, há alguns incineradores e algumas formas desse tipo que não dão conta se o volume for muito grande e isso pode gerar o que sobra de resíduo e que interessar alguém que venha querer ver se sobrou alguma droga tal, a gente certifica que realmente foi 100% destruído e da forma adequada.” Afirmou Maurício Nunes, Veterinário da 17° Regional de Saúde 

A incineração é feita com uma certa frequência por motivos de segurança, a última foi feita no mês de dezembro de 2020. 
“Apreensão da Polícia Civil por meio do Denarc e tão logo o procedimento foi encerrado essa droga foi incinerada, mas estamos fazendo isso com muita frequência como eu disse Por uma questão de segurança e também por uma questão do aumento no número de apreensões.” Finalizou o Delegado Amarantino Gonçalves.