Professores da rede municipal recebem ameaças nas redes sociais

Algumas ameaças foram feitas durante uma live do prefeito Chico Brasileiro sobre o retorno das aulas presenciais, previstas até então, para o fim deste mês de março

A presidente do sindicado dos professores da rede municipal de ensino de Foz do Iguaçu, Marli Maraschin de Queiroz registrou um boletim de ocorrência depois dos professores receberem diversas ameaças e intimidações nas redes sociais, envolvendo a indecisão que existe hoje em relação ao retorno das aulas presenciais.

O objetivo da presidente era registrar a queixa em nome do sindicato e em nome de todos os professores, porém, o policial que registrou o boletim disse a ela que isso não era possível. Então ela registrou no nome dela e de outra professora e levaram os prints como prova, identificando algumas pessoas. A presidente ainda afirma que os professores não pararam de trabalhar nesse período.

Veja mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa Foz do Iguaçu e região desta quinta-feira (18):