Suspeito de matar jovem por causa de dívida de R$ 300 é preso sete anos após crime

O outro envolvido no homicídio foi assassinado, segundo a polícia

A Polícia Civil do Paraná identificou dois suspeitos e concluiu o inquérito policial que investigava um homicídio tentado e outro consumado ocorridos no dia 1 de junho de 2014, no bairro Pinheirinho, em Curitiba.

Na ocasião, as vítimas estavam na rua quando foram atingidas por disparos de arma de fogo. Adélcio Santos Paz de Moura, de 23 anos, morreu meses após o crime, em decorrência dos ferimentos que sofreu durante a ação.

De acordo com as investigações de alta complexidade, a motivação do crime teria sido uma suposta dívida de Moura no bar do pai do atirador. “Esses irmãos já vinham sendo vítimas de tentativa de homicídio. Adélcio devia R$ 300 em dinheiro ao pai do autor e, pelo que ficou caracterizado, as vítimas estavam em frente a sua residência, quando o garupa de uma moto passou atirando”, disse o delegado Marcos Fontes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Um dos suspeitos foi localizado, interrogado e indiciado. Ele irá responder por tentativa de homicídio e homicídio duplamente qualificado, ambos por motivo fútil e por não ter dado chance de defesa às vítimas. O outro envolvido foi assassinado no ano passado.

Colaboração Polícia Civil