Traficante tenta encarar a polícia e morre em confronto em rodovia

O confronto  aconteceu após uma denúncia anônima, informando que um veículo carregado com drogas, e com dois indivíduos a bordos, estaria chegando próximo a cidade de Cambé com destino a Londrina, o denunciante repassou inclusive o horário em que o carro chegaria com o entorpecente. Edison Leite da Silva Júnior de Araújo, de 26 anos, que estava no banco do carona , armado com um revólver calibre 38, achou que levaria vantagem e resolveu  encarar a equipe Policial.

Os policiais militares receberam a informação imediatamente vieram aqui para br-369 o veículo com todas as características e passadas foi avistado e durante a tentativa de abordagem aconteceu o confronto.

“A Equipe do Choque estava em posse de informações anônimas de que um veículo estaria vindo carregado com drogas aqui para cidade de Londrina, então iniciaram patrulhamento pela BR-369 a via que seria de acesso para cidade, em dado momento um veículo de cor escura sedan e optaram pela abordagem, nesse momento o condutor parou desembarcar o passageiro e já iniciou disparos contra equipe.” Afirmou o Tenente Ciniciato.

A marca de um dos tiros efetuados pelo o indivíduo, ficou registrado na viatura, indicando que a intenção dele era acertar os Policiais Militares para tentar fugir.

“Um desses tiros veio acertar a porta do comandante da viatura, mas felizmente todos os policiais saíram em termos dessa situação, foi possível neutralizar a ameaça indivíduo foi alvejado e de imediato acionado o socorro médico para ele, mas infelizmente foi constatado o óbito desse homem aqui no local, com ele foi apreendido um revólver calibre 38 ainda não foi manusear para verificar o número de disparos que ele ficou realmente e também uma mochila e quando ele  desembarcou acabou caindo contendo três tabletes de maconha se o homem possui 26 anos e já possui antecedentes criminais.” Afirmou o Tenente Ciniciato.

O próximo passo da Polícia  Militar, é tentar identificar o segundo elemento que conseguiu fugir, quem tiver informações, pode ligar anonimamente, para os telefones 190 ou 181 .

Nos últimos dias várias prisões e apreensões foram realizadas na região de Londrina, após  denúncias anônimas, demonstrando a importância da população no trabalho da Polícia.