Racismo: criminosa é presa em flagrante após ofender funcionária

Uma mulher branca foi presa em flagrante após ofender uma funcionária de um bar em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro (RJ). A criminosa foi filmada xingando e tentando agredir a trabalhadora, chamando-a de “macaquinha”. 

A injúria racial foi cometida por Camila Berta, de 32 anos. A mulher também foi vista atacando outras pessoas, visivelmente alterada. Quando clientes do local, condenando a situação, entoaram um coro chamando-a de “racista”, a criminosa afirmou que tinha “mãe preta”, chamando as pessoas para a “porrada”. A funcionária fazia uma pausa durante o trabalho quando a racista, incomodada com a situação, deu início aos xingamentos.

A racista é natural de Foz do Iguaçu, no Paraná. Outras pessoas, incluindo um amigo da agressora, tentaram conter a mulher branca, sem sucesso. A criminosa, após ser levada à delegacia, pagou fiança de R$ 2 mil e, em mais um caso de “crime perfeito” no Brasil foi liberada. O caso continua em investigação. 

Informações do SBT News.