Vacina contra a covid-19 deve custar de R$ 300 a R$ 350 nas clínicas

Clínicas particulares do Brasil já estão autorizadas a aplicar vacinas contra a covid-19. Até o momento, o único imunizante disponibilizado é a Astrazeneca, que deve custar entre R$ 300 e R$ 350, de acordo com a Associação Brasileira das Clínicas de Vacinas (ABCVAC).

“O preço de venda do imunizante na fábrica chega aos R$ 151 reais, valor definido pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED). Cada clínica compõe então o seu preço pelo serviço da aplicação, que pode variar por região. Estimamos que será em média entre R$ 300 e 350 reais para o consumidor final, devido a custos com logística, armazenamento, seguro, aplicação e etc”, explica a ABVAC.

Para se vacinar, o paciente deve entrar em contato com a clínica para fazer o agendamento conforme a disponibilidade de doses. O planejamento é necessário para evitar desperdícios, pois os frascos abertos precisam ser usados em até 48h.

As clínicas devem checar as doses que o paciente já recebeu antes da aplicação. Todas as vacinas aplicadas serão registradas normalmente no ConecteSUS, como ocorre com as demais vacinas.

Quem pode se vacinar nas clínicas?

  • 1ª dose – todos acima de 18 anos que ainda não receberam o imunizante;
  • 3ª dose – todos acima de 18 anos, independente do esquema primário, que tenham recebido a 2ª dose há pelo menos quatro meses;
  • 4ª dose – caso esteja fora da faixa liberada pelo governo (+60 e imunossuprimidos atualmente), todos acima de 18 anos que tenham prescrição médica e tenham recebido a 3ª dose há mais de 4 meses.

Informações de SBT News