Vendas do comércio têm alta mais expressiva do ano em maio, diz Serasa

Após registrar duas quedas consecutivas nos meses de março e abril, as vendas do comércio físico brasileiro tiveram a alta mais expressiva do ano. Segundo dados da Serasa Experian, maio marcou um salto positivo de 2,1% frente ao mês anterior, enquanto a atividade do comércio ficou 0,1% frente ao mesmo período do ano anterior.

No geral, o número foi influenciado pelo setor de Veículos, Motos e Peças, que registrou alta de 13,8% durante o mês. Em seguida, estão as categorias de Material de Construção (4,7%), Tecidos e Vestuários (3,5%) e Combustíveis e Lubrificantes (1,6%). O setor de Móveis e Eletrodomésticos foi o único a revelar queda, com -3,5%.

“O cenário econômico continua instável, afetando o poder de compra dos consumidores e, sendo assim, dificultando a vida financeira dos empreendedores. No entanto, alguns fatores como o saque extraordinário do FGTS e o adiantamento da primeira parcela do 13º podem ter contribuído para o aumento de uma movimentação econômica relacionada ao consumo”, explica o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi.

Ele ressalta que o número, apesar de positivo, deve ser interpretado como uma estabilidade, uma vez que não é uma alta significativa. 

Informações de SBT News