Antonina pode ser reconhecida como Capital Nacional da Bala de Banana

No Congresso Nacional, em Brasília, está tramitando o Projeto de Lei nº 2263/2022 que pode dar a Antonina, no Litoral do Paraná, o título de Capital Nacional da Bala de Banana.

O projeto também está aberto para consulta pública e a população pode votar se apoia a preposição.

A bala de banana é um produto artesanal típico de Antonina, que recebeu, no dia 29 de dezembro de 2020, o reconhecimento de Indicação de Procedência, que faz parte do registro de Indicação Geográfica (IG), concedido pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi).

As empresas que conquistaram esse registro e se tornaram legítimas do município são a Antonina (bala de embalagem verde) e a Bananina (bala de embalagem laranja).

Foto: Assessoria de Imprensa Sebrae/PR

As balas fazem parte de uma longa tradição na cidade, iniciada nos anos 1970 com os avôs das atuais responsáveis pelo gerenciamento do negócio. Atualmente, a produção é de mais de 15 toneladas por mês e as vendas alcançam o Paraná, outros estados do Brasil e até mesmo outros países, como França e Argentina.  

A proposta de lei reforça que o produto contribui para a economia e o turismo regional. “A aprovação deste Projeto de Lei, que reconhece o município de Antonina como a Capital Nacional da Bala de Banana colocará a cidade, e toda a região de entorno no cenário turístico nacional. Esse merecido reconhecimento certamente atrairá turistas de diversos estados e países, contribuindo de forma extremamente positiva para a economia local, e do estado do Paraná”, reforça a proposta.

Para organizar a atividade na região, as duas empresas se uniram e formaram a Associação de Produtores de Balas de Banana (Aprobam).