Após voltar e ameaçar parentes, assassino da esposa tentou se jogar na frente de carro

Assassino confesso de Ana Paula de Araújo Fernandes, Cleverton Luiz Andrade Júnior deve chegar na tarde desta sexta-feira (7) à delegacia do Alto Maracanã, em Colombo, na região metropolitana de Curitiba. Ele foi preso no Litoral do Paraná na tarde de quinta-feira (6), dois dias depois de matar a vítima a facadas. Antes de ser preso, no entanto, ele tentou tirar a própria vida.

Conforme o próprio suspeito revelou aos policiais, o crime foi cometido na madrugada do dia 4. Logo em seguida, ele fugiu com o celular e os cartões bancários da esposa, pegou um ônibus na rodoferroviária de Curitiba e seguiu para a praia de Ipanema, em Pontal do Paraná. Ainda de acordo com a versão dele aos policiais, ele tentou tomar veneno de rato e também se jogou na frente de alguns carros, mas não conseguiu acabar com a própria vida.

Já na tarde de quinta-feira, ele retornava para a região de Colombo e caminhava às margens da PR-412 quando foi abordado pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE). Assim que foi questionado, ele confessou ter matado Ana Paula a facadas e revelou toda sua rotina desde a noite do crime.

Ele será indiciado por feminicídio e deve chegar durante a tarde na delegacia para prestar depoimento. O mandado de prisão preventiva já foi expedido e, por isso, ele permanecerá preso mesmo não se tratando mais de flagrante.

Relembre o caso

Colaboração Douglas Bandeira/Rede Massa.