Câmera registrou momentos antes do acidente que tirou a vida de padrasto e enteada no Contorno Sul em Maringá

Uma câmera de segurança registrou momentos antes do acidente que tirou a vida de um padrasto e da enteada, na Avenida Prefeito Sincler Sambatti, o Contorno Sul de Maringá, no dia 9 de junho. O padrasto da jovem foi buscá-la de frente a uma empresa de chapas, quando retornavam sentido a cidade de Paiçandu, onde moravam, o acidente trágico aconteceu.

A imagem do caminhão em movimento chamou atenção do delegado de trânsito, Fernando Garbelini, que solicitou uma perícia da velocidade para apurar se houve imprudência por parte do motorista. “A imagem não é nítida, mas se compararmos a velocidade dos caminhões que passam antes com o que atropelou as vítimas, é bem visível que ele estava correndo mais. Estamos aguardando a perícia para confirmar o que a imagem demostra”.

O delegado ainda mencionou que passou pelo Contorno Sul poucos minutos antes do acidente. “Eu passei naquele trecho um pouco mais cedo. O tempo estava fechado e tinha um nevoeiro naquele momento, era importante que o motorista estivesse em baixa velocidade, pois conseguiria frear o caminhão. Tem que ser levado em conta uma série de situações”, afirmou o delegado.

O trecho em que o motociclista invadiu é de faixa contínua, considerado uma infração de trânsito ao realizar a manobra. O inquérito ainda está aberto e mais testemunhas serão ouvidas. Evandro da Silva, 36 anos, deixou dois meninos de 11 e 14 anos, além da esposa. Karolyne Vitória Farias tinha apenas 18 anos.

Com informações do portal GMC Online.