É preso mais um suspeito de matar homem com mais de 40 facadas em Campo Largo

Nesta segunda-feira (18), foi preso mais um dos suspeitos de matar Alexandre Castro da Cruz, 47 anos, em julho deste ano.

Para a polícia, o homem informou que foi dada uma “gravata” em Alexandre, para que o outro esfaqueasse a vítima.

Familiares encontram corpo de homem desaparecido boiando em lago

Polícia identifica suspeitos de matarem homem com mais de 40 facadas na RMC

MP denuncia trio acusado de matar homem com mais de 40 facadas na RMC

Relembre o caso

Alexandre foi considerado desaparecido após não voltar para casa no dia 25 de julho. Na ocasião, a informação era de que ele havia saído para encontrar um homem que conheceu por um aplicativo de namoro. 

Com a investigação, a polícia descobriu que no dia do crime, a vítima tinha entrado em contato com três rapazes. “Essas três pessoas saíram com ele, consumiram drogas com ele na noite do desaparecimento. Agora, nós já temos três suspeitos e com certeza foram eles os autores”, explicou o delegado Haroldo Davidson, durante o andamento do inquérito.

Davidson conta que “conseguimos captar por câmeras de segurança todo o trajeto que foi feito dessas pessoas com a vítima e identificamos todos por essas imagens e com testemunhas que conhecem essas pessoas”.

O corpo dele foi encontrado pelos familiares, seis dias depois do crime, em 31 de julho, no rio do Parque Newton Puppi. Em seu corpo, haviam mais de quarenta perfurações de faca.