Mulher é presa por usar cocaína antes de amamentar o filho no Paraná

Uma mulher foi presa na cidade de Capanema, região Oeste do Paraná, suspeita de usar cocaína antes de amamentar seu filho, um bebê com pouco mais de 30 dias de vida. A polícia foi informada do caso pela equipe de um posto de saúde, depois que a criança foi levada com urgência até a unidade.

Conforme a Polícia Civil, os médicos disseram que a criança chegou inconsciente até o local e precisou receber atendimento imediato para ser reanimada. Os socorristas também perceberam vários sinais de assaduras e de falta de higiene no bebê.

Ainda segundo os médicos que prestaram os primeiros atendimentos à criança, a mulher teria confessado que usou cocaína e, logo em seguida, deu de mamar para o filho. Imediatamente, a criança começou a passar mal. Os investigadores foram até a casa dela e encontraram apenas uma porção de maconha.

Na delegacia, a mãe da criança confessou ter usado drogas antes de amamentar o filho e se defendeu dizendo que não sabia que a atitude faria mal à criança. A polícia informou ainda que ela já tinha sido presa há alguns meses por tráfico de drogas, mas foi liberada pela Justiça justamente pelo fato de estar grávida.

Até a publicação desta matéria, a suspeita permanecia detida na carceragem da delegacia de Capanema. O nome dela não foi divulgado oficialmente.