Cuidador que agredia idosos em asilo clandestino da RMC é preso

A Polícia Civil prendeu um homem de 26 anos suspeito de manter dez idosos em cárcere privado num asilo clandestino de Colombo, região metropolitana de Curitiba. Ele foi encontrado nesta quinta-feira (21) e tinha um mandado de prisão em aberto.

O crime foi constatado no dia 30 de junho, quando a Polícia Militar recebeu denúncias de maus-tratos contra as pessoas atendidas na instituição ilegal. As vítimas eram mantidas em um imóvel pequeno, sem infraestrutura. Quando a PM chegou ao local, o homem fugiu e era procurado desde então.

Leia também: Catador de recicláveis fica sem trabalhar após ter carrinho destruído por motorista; vídeo

O homem preso nessa operação da Civil seria o ‘cuidador’ que fazia a vigília dos pacientes. Segundo testemunhas e vítimas, ele era bastante agressivo, principalmente quando usava drogas. Ele está preso na delegacia do Alto Maracanã à disposição do Poder Judiciário.

Foragidos

Outras duas pessoas suspeitas de estarem envolvidas no crime estão foragidas. Elas seriam responsáveis pela instituição e, conforme a polícia, tinham o costume de mudar a localização dos asilos clandestinos para evitar ações policiais.

A polícia reforça que qualquer informação sobre o caso pode ser repassada aos policiais de forma anônima pelos telefones 197, 181 ou pelo (41) 3605-6550, diretamente à equipe de investigação.